UM ANO COM CABELO NATURAL. O QUE MUDOU?

21.11.2016

| Por

Então hoje, faz 1 ano que estou com meu black, que eu chamo carinhosamente de BLACKZÃO.

Não posso dizer que há um ano que as coisas começaram a mudar, porque na verdade as coisas começaram a melhorar mesmo, quando coloquei as trancinhas zizi. Quem assistiu meu primeiro vídeo (TRANSIÇÃO CAPILAR E A DITADURA DO CABELO) sabe que tive corte químico e precisei parar com a química, era uma coisa que eu queria a mais tempo, mas nunca consegui. Passei por um momento bem chato na minha vida, muito difícil, mas com a ajuda da minha irmã e do Douglas, eu sai dessa.

 

 

 

 

 

 

E há exato um ano, eu tirei as tranças e passei usar meu cabelo natural, crespo/cacheado como ele é. Um processo que me deixou com muito medo e inicialmente, muita insegurança. Acompanhando canais no youtube e blogs, eu fui me sentindo à vontade, tem gente que diz "assumi o cabelo" ou "aceitei o meu cabelo", mas eu não falo isso, a frase certa é: "DEIXEI A ALIENAÇÃO PRA LÁ". Eu digo isso, porque quando você faz qualquer coisa contra a sua vontade, apenas para se encaixar em um lugar que você acha que deveria ser seu, é errado. Era exatamente isso que eu fazia, eu seguia a tendência, imitava a mídia e me ferrei de uma maneira trágica. Porque eu queria imitar as mulheres da televisão e parar de ouvir por aí que meu cabelo era duro, que meu cabelo era bombril, eu não queria, eu precisava ser como todas as outras meninas. O problema, é que a gente esquece que as mulheres da televisão tem recursos que para nós, é absurdo, nossa realidade é outra.

 

Depois que eu consegui usar meu cabelo naturalmente, eu consegui me ver no espelho de uma forma totalmente diferente, eu consegui ver, personalidade, pela primeira vez na minha vida, eu estava sendo quem eu realmente gostaria de ser, EU MESMA.

 

 

 

 

O QUE MUDOU?

 

Eu passei a ter auto estima, porque antes, não podia nem dizer baixa estima, estima era uma coisa que não existia, nem para ser baixa. Eu comecei a cuidar mais de mim, passei a comprar roupas que eu gostaria de usar, não a que o pessoal ia achar legal. Claro que todas as coisas aconteceram aos poucos, ainda em certas coisas, continuo insegura, mas a diferença é que hoje eu sei que eu posso mudar. Além das minhas roupas e meu estilo, eu consegui tomar coragem, sim, coragem, eu tinha muito medo de me arriscar. Mudei o meu curso da faculdade, sai do direito e fui para publicidade, obviamente ouvi muitas críticas, mas enquanto o mundo pensar que ser advogado é algo unicamente para ser rico, a justiça do mundo continuará a podridão que é. Fui fazer o que eu gosto, fui fazer algo me identifico. Hoje eu vou muito feliz para aula, e apesar de todo trabalho, eu curto muito, ao contrário do que muitos pensam, publicidade não é só zueira não, o sistema é bruto como toda faculdade.

 

Foi nesse período também, que eu tomei coragem e comecei meu canal no youtube (Fala Day!!!), ele não anda com a frequência que eu penejei, porque os recursos não são os melhores, mas agora eu tenho força para ir atrás das coisas que quero conquistar. Por isso, também iniciei o blog, faço uma coisa que gosto tanto, que é escrever. Escrever, desde criança era a minha libertação, onde me desabafo, onde me expresso melhor.

 

 

Enfim, hoje eu sou mais bonita, mais comunicativa, mais corajosa, mais persistente, mais confiante. E se você está pensando que isso tudo aconteceu por causa do meu cabelo, voce se engana, o começo foi eu acreditar em mim mesma, e fiz do meu cabelo o pilar para toda essa mudança.

 

Quer um conselho? MUDE. Não o seu cabelo. Mude, aquilo que voce percebe que de alguma forma te aprisiona e não te permite ser quem voce gostaria de ser de verdade.

 

Bjo galera!!

Paz e bem.

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

3.jpg
Please reload

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Pinterest Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon

© 2016 por Dayanne Stefanie | Orgulhosamente criado com Wix.com